terça-feira, 7 de novembro de 2017

NOVO A ENDOMETRIOSE E EU: DOMÍNIO PRÓPRIO COM MAIS CONTEÚDO E INFORMAÇÃO PARA VOCÊ!




O mês de setembro de 2017 marcará uma nova era no blog A Endometriose e Eu. Após sete anos e sete meses de intensas postagens, o blog se despede da plataforma blogspot e assume seu domínio próprio (www.aendometrioseeeu.com.br). Quando criei o blog, em 2010, confesso que não sabia o que estava fazendo. Estava muito mal devido às fortes dores que me incapacitavam, e também por conta do desemprego. Lembro-me que coloquei no google a frase “como fazer blog” e o primeiro que apareceu (blogspot) cliquei e criei o A Endometriose e Eu. Com a chegada das leitoras, ele passou de “meu diário” para um blog informativo que diariamente começou salvar vidas femininas em todo o mundo.

Comecei a criar as colunas. A primeira foi a “História das Leitoras”, depois “Com a Palavra, o Especialista”, e a partir daí surgiram outras 17. E isso é o máximo que dá para fazer no template do meu blogspot de 2010. Com a era tecnológica a serviço da informação, não podemos ficar parado no tempo, é preciso inovar sempre. Para crescer é preciso criar e vocês sabem que minha cabeça não para. Com isso, a ferramenta do blogspot ficou muito limitada e o blog já esgotou todas as possibilidades de crescimento e de inovação que a plataforma permite. Após 764 postagens e mais de 6 milhões e 200 mil acessos, o A Endometriose e Eu inicia sua segunda infância como gente grande.

O começo não foi fácil. Comecei o blog na cama. Mas graças à chegada de todos vocês passei a me interessar cada vez mais pelo tema. Iniciei minhas pesquisas e a ler intensamente sobre a doença. Era dia, noite e madrugada trabalhando no blog. Nosso endomarido português, Alexandre, comprova o que estou falando. Com cinco horas de diferença no fuso de Portugal, ele dormia, acordava e lá estava eu trabalhando no blog. Mesmo após minha segunda videolaparoscopia, em 2012, quando me livrei da endometriose e parei de sentir dores, ao invés de voltar à minha vida normal (inclusive a vida social), mergulhei nesse mundo até então desconhecido da endometriose.

Surgiram as primeiras parcerias internacionais com associações e cientistas. O blog ganhou dois prêmios no Brasil (em 2012 foi o blog de saúde mais votado na categoria popular no Top Blog Brasil e em 2013 o terceiro) e, em 2013, eu fui homenageada como a Endo Angel pelo Endometriosis Research Center dos Estados Unidos. Ele que, até então, era “meu filhote” começou a ser lido por mulheres nos seis continentes. O filho já não era mais só meu, mas de todas aquelas que ele ajuda a salvar vidas. E é com esse objetivo “de salvar vidas” que, a partir de hoje, embarcamos num outro sonho: construir um novo A Endometriose e Eu. O domínio do blogspot continuará existindo por um período. Porém, a partir de agora, todas as postagens serão feitas no novo domínio. Com o tempo todo o conteúdo do blogspot será transmitido ao novo blog.

Continuarei trabalhando da mesma forma, com duas a três postagens por semana e compartilhando todos os textos em nossas redes sociais (fanpage, instagram,twitter). Aproveito para agradecer a confiança no meu trabalho e no de nossos parceiros e colaboradores. Graças a você, “nosso filhote” está crescendo e estamos apenas começando. Com esta nova plataforma teremos muitos recursos para passar a correta informação sobre a endometriose. Seguimos firmes e fortes na luta pelo reconhecimento da endometriose como doença social, para que haja políticas públicas efetivas e tratamento humanizado pelo SUS. E, a cada ano, a EndoMarcha Time Brasil cresce ainda mais.

Em breve traremos muitas novidades para vocês. Continuem curtindo e compartilhando os textos do A Endometriose e Eu e ajude a salvar vidas femininas. Beijo carinhoso! Caroline Salazar e equipe

4 comentários:

  1. Olá Carolie, boa tarde.

    Gostei uito do seu blog, e acabei por conhecer após receber o diagnóstico de endometriose profunda a pouco tempo
    Estou com endometriose profunda e mioma,e não ti9nha conhecimeto dessa doença, a endometriose pegou parte do meu intestino e esta afetando a minha lombar, estou sendo tratada por 2 médicos e ambos me encaminharam ao INSS por auxilio doença indeterminado até que eu consiga me recuperar. A endometriose quando chega ao estagio avançado, os sintomas ficam graves, pois a dor é diária e estou aguardando a cirurgia pelo SUS, já que havia cancelado meu plano há alguns meses atras, aquelas que estão aguardando pelo SUS (COMO EU) e não tem data prevista, deverá procurar um meio de se garantir com remédios caríssimos.
    Tive a sorte que encontrar 2 médicos bons na rede publica, que estão me ajudando muito. Sintomas graves da endometriose profunda que tenho: Anemia, pressão alta, dores nas costas e pernas, dificuldade de defecar, tontura, dor de cabeça, febre, barriga inchada, ânsia de vomito. Acharam que eu estava com câncer!!! 8 internações em 2 meses, e todas com quadro grave de anemia, em uma delas tomei morfina. A 2 duas primeiras semana de Allurene passei mal, o remédio me deu uma dor de cabeça, que a minha pressão subiu, mas ainda estou tomando.
    Tenho 31 anos, malhava, jogava vôlei, Tinha uma vida normal, quase normal há não ser as cólicas todo final do mês. Sempre tive cólicas fortes e dores nas relação. Dor mesmo, mas confesso que chegava a ter vergonha de ir no hospital e dizer que estava passando mal por causa de cólica, ninguém que eu conhecia tinha tanta dor assim,
    Achei que fosse psicológico por isso não procurei um médico antes, eu ouvia as pessoas dizerem que era normal, porque não tenho filhos, (mas eu tentei, tentei muito), outros falavam que era porque eu não me alimentava, vivia em dietas e que estava fraca demais por isso as dores em mim eram mais fortes, mas sabia que tinha algo errado, vomitava, não dava pra sair de casa, tinha febre e tontura, e as dores nas costas e pernas não tem palavra pra descrever.
    Não tinha buscopam, postan, atroveram, ibuprofeno, advil que resolvia. Acha que não tentei de tudo? atestado todo mês no trabalho. Já até sabiam os dias que ia faltar. Só que ai as dores começou a passar dos dias de menstruações, tinha umas pontadas fortes no reto, começava a defecar com sangue. minha barriga estava inchando, até que um certo dia, comecei a sangrar sem parar, foi ai que descobri o mioma e com ele essa doença maldita em estado já avançado. Inúmeros exames:
    TRANSVAGINAL, COLONOSCOPIA, ENDOSCOPIA, RESSONÂNCIA, CA-125 / 305,8. EXAMES DE SANGUE, RX. E todos os exames deram alterados, todos. E terei que ser encaminhada a fisioterapia, pois estou com uma lesão na lombar. Adorei o seu blog e agora sei que não sou a unica.

    ResponderExcluir
  2. Manuel Alamo Septiem7 de dezembro de 2017 08:18

    Hola,
    Oferta de préstamo en 72 horas.
    Hola ¿Tienes problemas financieros? Y aquellos que tienen problemas para obtener préstamos de capital de bancos locales y otras instituciones financieras. Por favor, consulte esta dirección de correo electrónico: servizio.finanza34@gmail.com



    Hola,
    Oferta de préstamo en 72 horas.
    Hola ¿Tienes problemas financieros? Y aquellos que tienen problemas para obtener préstamos de capital de bancos locales y otras instituciones financieras. Por favor, consulte esta dirección de correo electrónico: servizio.finanza34@gmail.com

    ResponderExcluir